Seu navegador não suporta ou está com o JavaScript desabilitado, por conta disso, pode ocorrer falhas nesse site.

ACE prevê aquecimento de vendas no comércio com pagamento do décimo terceiro

25/11/2020

As empresas têm até a próxima segunda (30) para creditarem a primeira parcela do décimo terceiro salário dos trabalhadores. Segundo estimativas da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), serão injetados R$ 208 bilhões na economia brasileira.

A expectativa da Associação Comercial Empresarial (ACE) de Jundiaí é a de que o benefício pago ao trabalhador ajude a reaquecer as vendas do comércio. “Muitas pessoas vão usar o dinheiro para pagar as contas mas tem aquelas que estão aguardando o décimo terceiro para antecipar as compras de fim de ano, o que será muito bom para o comércio”, diz o presidente, Mark William Ormenese Monteiro.

Mark, que é advogado, lembra que nem todas as pessoas receberão a parcela no valor integral, por conta da Medida Provisória 936, que permitiu suspensão de contrato de trabalho e redução de jornada. “Quem teve o contrato suspenso por um período, recebe o décimo terceiro proporcional aos meses trabalhados”, explica. “Para o trabalhador que teve redução de salário e de jornada não haverá alterações de valores.”

Para as pessoas que estão aguardando o décimo terceiro para quitar dívidas, o diretor da ACE, Pedro Braggio, faz um alerta: não use o dinheiro para este fim.  “A melhor estratégia é colocar em dia as contas atrasadas, como de água e de luz”, diz ele, que é educador financeiro. “Para quitar dívidas como a do cheque especial é melhor reservar uma quantia mensal do salário só para este fim. Quando acumular um valor razoável, negocie com o credor para pagar à vista.”

Quem está sem dívida pode usar o décimo terceiro para se presentear com um mimo. Mas segundo ele, é importante guardar uma quantia do benefício para fazer uma reserva para 2021 e assim entrar o ano no azul e sem dívidas.

Para quem vai antecipar as compras de Natal, Pedro dá uma dica importante: “Nunca parcele presente. É importante ter uma verba para comprar e pagar à vista.”

Esta forma de pagamento, segundo ele, é a melhor forma para administrar o décimo terceiro. “Pagamento no crédito somente se o consumidor tiver um planejamento financeiro, do contrário, a parcela pode atrapalhar o orçamento do início do ano.”

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *